Você busca um Emprego ou um Trabalho?

Você sabe qual a diferença entre um Trabalho e um Emprego?

Trabalho é uma atividade que se realiza para gerar um produto ou serviço, mas que não lhe dá uma remuneração e sim um sentido. Uma dona de casa por exemplo tem um trabalho. O trabalho que ele desenvolve, não lhe dá uma remuneração, mas o que ela faz, tem um grande sentido em sua vida.

O emprego pelo contrário, lhe dará uma remuneração ao final do mês. No emprego você pode enrolar o dia inteiro sem produzir nada, mas ao final do mês você recebe seu salário. Muitas pessoas procuram emprego, mas poucos estão disponíveis ou preparados para realmente trabalhar e progredir.

Há pessoas que têm um emprego e não tem trabalho, sofrem com o que chamamos de síndrome do domingo a noite. Quando começam a ouvir a vinheta do fantástico ou do programa Silvio Santos, começam a se deprimir.

Emprego é o que você faz por dinheiro; trabalho é o que você faz por amor. Emprego é aquilo que você encontra facilmente; trabalho é o que você demora a encontrar e muitos talvez nunca encontrem. Emprego nem sempre tem algo a ver com a sua vocação; trabalho tem tudo a ver com a sua vocação.

O trabalho move as pessoas para frente já o emprego é algo que se deseja para sobreviver.

O trabalho tem relação direta com o estilo de vida do indivíduo, em quem ele é ou deseja se tornar. Está pautado em projetos, metas, objetivos e sonhos. Trabalho vai além da necessidade financeira, trata-­se de um caminho para a realização.

Já o emprego é uma atividade alienada em que o profissional atua por mera necessidade financeira, distante de algum tipo de apreciação. Todos nós já passamos por essa experiência, seja pelo fato de ser a primeira colocação no mercado, ou por ainda não ter descoberto a própria paixão, o que verdadeiramente está conectado com suas motivações e convicções mais autênticas.

Com os empregos em baixa, novas oportunidades de trabalho crescem.

Mas por que ocorre isto? O fato é que manter vínculos empregatícios é um grande peso para as organizações, porque envolvem impostos, burocracias, ações trabalhistas, etc. A tendência é enxugar o excesso de pessoas e trabalhar com profissionais mais ágeis, técnicos, com personalidade flexível e, principalmente, desapegados aos modelos antigos como o de sonhar com estabilidade eterna, décimo quarto, benefícios e mais benefícios.

Um conselho que dou aos meus Clientes, é que construam uma carreira baseada no trabalho e não em emprego.

Se você gostou do nosso conteúdo deixe seu comentário e compartilhe com seus amigos!

Tenha um ótimo dia! ☺

 

Você também pode gostar de:

O que é Coaching e como posso transformar isso em ...   Você já deve ter ouvido alguém falar: "eu trabalho com Coaching", "eu vou fazer um Coaching", ou ainda, " faz um Coaching que vai te ajudar......
Carreira: Habilidades Essenciais para Você ter Suc... Demografia, tendências culturais e novas tecnologias estão mudando rapidamente o mercado de trabalho. As pessoas estão vivendo muito mais tempo do que...
4 formas de Aumentar sua Renda Mensal Em finanças pessoais muita atenção é dada à forma como você pode economizar mais dinheiro. Mas se você já beliscou cada centavo e está procurando uma ...
Professora torna-se Coach e conquista o sonhado Re... Luciane Ulguim case de sucesso do curso de Coaching - Impulsão Profissional!!! Ela é professora e pedagoga na cidade de Pelotas - Rio Grande do Sul,...
Clailton Luiz
Clailton Luiz é empresário, Palestrante, Especialista em Gestão de Tempo e Produtividade, Escritor, Professional & Self Coach, Leader Coach, Analista Comportamental pela Coaching Assessment, CEO da Line Coaching.
Já ajudou milhares de pessoas a organizarem suas vidas, alavancarem suas carreiras, reestruturarem ou abrirem suas empresas e conquistarem seus sonhos através de seus treinamentos.

Gostou? Deixe o Seu Comentário!